Parto

Parto na ambulância: Mãe passou pela mesma experiências em 2018

O segundo parto a caminho do hospital, foi hoje de madrugada.

Eu Vi Em Sooretama

Eu Vi Em SooretamaBlog Eu Vi Em Sooretama

13/07/2019 14h35
Por: Redação

Impressionante: É como podemos chamar o que aconteceu com uma moradora da localidade de Barro Roxo, interior de Sooretama, nas duas vezes em que ela deu à luz, a primeira em 2018, e a segunda na madrugada deste sábado (13). É que ambos os partos aconteceram a caminho do hospital.

Nesta madrugada de sábado, nasceu Jadson, conforme já informado pelo Site Eu Vi em Linhares, a caminho do Hospital Rio Doce (clique aqui e confira). Nós conseguimos, desta vez, falar com o motorista, Anderson Stoffel: "Fui buscar a gestante às três horas da madrugada, e ela sentia as dores, pareciam muito fortes, e eu pedia para ela se acalmar. Estávamos na BR 101 e no Trevo do Alegre escutei dois gritos, e parei a ambulância. A criança chorava. O pai estava junto, e a situação foi controlada e concluída no hospital", disse o motorista .

Anderson relatou que foram momentos de emoção, e que nunca havia passado por isso. "Contemplar a alegria dos pais, não tem preço. Trabalho com amor e amo o que faço, e esta história marcou a minha vida profissional", completa o servidor, que é casado, e ainda não tem filhos.

As fotos, que recebemos de uma leitora, mostram mãe e filho, desfrutando a alegria dos momentos nas primeiras horas após o parto. Ao divulgar as fotos, a leitora disse que a família recebe um kit da Prefeitura de Sooretama, para ajudar nos primeiros dias de vida do menino.

E esta é a segunda vez que a família vive a experiência de não chegar a tempo ao hospital para um parto normal: Em 2018, a mulher, que tem 26 anos, deu à luz dentro de uma ambulância da Eco 101, empresa que administra a BR-101. Na ocasião nasceu Manoela, que agora ganha o irmãozinho para compartilhar no futuro como ambos vieram ao mundo.

5comentários
500 caracteres restantes.
Seu nome
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
VEJA TAMBÉM
Ele1 - Criar site de notícias