Quarta, 12 de Maio de 2021
27 99808-4347
Polícia Medo de morrer

Madrugada: Mulher volta a receber ameaças no Residencial Rio Doce

Só não invadiu a casa porque tem grade, diz leitora que pediu ajuda à nossa Redação.

29/12/2019 10h01
Por: Redação
Madrugada: Mulher volta a receber ameaças no Residencial Rio Doce

Uma mulher que mora no Residencial Rio Doce e familiares dela passaram momentos de medo na madrugada deste domingo (29). A família teme pela vida dela. De acordo com uma fonte, que por pediu para não ter o nome divulgado,  a mulher é aquela de 38 anos, ameaçada juntamente com a sobrinha, de 36, por um homem de 53 anos, marido da mulher de 38. O indivíduo foi conduzido à 16ª Delegacia Regional de Linhares (DRL), na ocorrência registrada na noite do dia 22 último. O sobrinho dele, de 26 anos, também foi.

Notícia relacionada: Tio e sobrinho presos por ameaça contra duas mulheres em Linhares. PMs foram xingados

Continua depois da publicidade

Leu? Histórico curioso sobre Diego da Conceição, o jovem que matou a mãe durante saidinha de Natal em Linhares

Desta vez, o motivo é o mesmo: as ameaças sofridas por parte do homem, que pagou fiança e foi liberado. (clique aqui e confira a primeira manchete sobre o fato). “Acordei às 2 horas da madrugada, com os gritos da filha dela, mãe, mãe, mãe. Ele chegou acompanhado de três homens e estava armado. Chamamos a polícia, mas ninguém veio ajudar. Ficamos com muito medo de acontecer o pior”, contou.

Continua depois da publicidade

Ainda de acordo com a mulher, o homem chegou em um Siena prata, e teria sido ele quem quebrou os vidros da janela na foto em destaque. “A casa tem grades, ou ele teria invadido a casa. Ouvi ele dizer várias vezes que vai colocar fogo na casa. Precisamos de ajuda, e urgente”, falou a nossa fonte.

O fato, conforme ela informou, aconteceu em uma residência na Quadra 19, Rua Celina Francisca dos Reis Cortes. Nós a orientamos a registrar o fato na delegacia, mas a nossa fonte disse que a vítima não tem dinheiro para pagar nenhuma condução, e que por isso pediu ajuda ao setor preventivo da polícia.

18 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias