Quarta, 25 de Novembro de 2020
27 99808-4347
Polícia Baleado no Juparanã

Só se aparelhos desligarem sozinhos, diz pai de jovem baleado no Juparanã

Diogo, de 21 anos, levou 2 tiros e agora ficou constatada morte cerebral.

22/10/2020 07h05 Atualizada há 1 mês
Por: Redação
Só se aparelhos desligarem sozinhos, diz pai de jovem baleado no Juparanã

Os últimos dias não têm sido fáceis para o servidor público João Henrique dos Santos, pai do jovem Diogo Sampaio dos Santos, 21 anos, baleado no final da manhã da última segunda-feira (19). O crime aconteceu na calçada da Rua Domingos Duda, e o jovem foi levado em estado muito grave para o Hospital Rio Doce. De acordo com o pai, os criminosos podem ser presos a qualquer momento. “Prestei depoimento, e confio no trabalho da Polícia Civil”, resumiu ele.

Emocionado, porém, confiante. Assim demonstrou João quanto ao seu estado mediante a notícia que recebeu no fim da tarde de ontem (21), quando a média lhe informou que aconteceu a morte cerebral da vítima. O homem, que mora em Linhares há quase 50 anos, contou como foi:

“Ouvi as explicações da médica e pedi se poderia vê-lo. Ela disse que sim e fui até ele. Meu filho está quentinho, não está inchado, e os aparelhos só serão desligados automaticamente se assim Deus determinar. Mas existem milagres e que acredito no médico dos médicos se Ele assim quiser fazer. Que seja feita a vontade de Deus e não a minha e nem a de mais ninguém”, explica o leitor.

“Está tudo concluído e só falta prender os indivíduos. Sobre meu filho, o que tenho ainda a afirmar é que uma veia muito importante foi perfurada, e que se ele se for, Deus me deixará a lembrança de que o pai dele é uma pessoa do bem. Pode colocar essa foto da gente junto”, concluiu João.

O pai da vítima repetiu que o filho está com morte cerebral confirmada, mas “que tudo pode acontecer” e que os aparelhos não serão desligados. “Só automaticamente, se ele mesmo o desligar através da situação”, completou. (Horas após a informação, o jovem veio a óbito. Clique aqui e confira detalhes do velório e sepultamento).

12 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias