Quarta, 05 de Agosto de 2020
27 99808-4347
Polícia Homicídio

Interlagos: Primo diz que Maguim morreu no hospital. Delegado desmente

Um amigo do jovem também foi baleado na mesma ocasião.

19/04/2020 16h21 Atualizada há 4 meses
Por: Redação
Interlagos: Primo diz que Maguim morreu no hospital. Delegado desmente

Atualização - O jovem Magno Boone, 29 anos, conhecido como Maguin, faleceu na noite deste sábado (18), mais precisamente às 23h30, no Hospital Rio Doce. É o que informou um primo dele, ao procurar a nossa Redação na tarde deste domingo (19). Ele foi baleado na altura do ombro direito, na tarde do dia 13 último, nas repartições de um estabelecimento que fica no bairro Interlagos, onde havia levado o reboque do carro para passar por reparos. O delegado titular da DHPP da 16ª Delegacia Regional, Tiago Cavalcante, desmentiu a informação. "Ele está vivo", afirmou.

Leu? Confira todos os detalhes sobre a morte de Dione, na Estrada do Farias

Ao nos informar sobre a suposta morte de Maguin, perguntamos ao leitor mais detalhes sobre o crime, pois, quando manchetamos (confira aqui), relatamos que o jovem foi baleado e socorrido pelo Corpo de Bombeiros, já que detalhes não foram passados pela polícia. “O que sabemos de fato é que ele levou três tiros, sendo que um foi no ombro e entre a sua clavícula. Ele precisou passar por cirurgia para retirada da bala. E, infelizmente teve infecção hospitalar, não resistiu e veio a óbito”, relatou.

O jovem, de acordo com o primo, estava deixando o estabelecimento quando os atiradores chegaram de moto. Além de Maguim, outro indivíduo que é amigo dele, foi socorrido e levado para o hospital, ferido em uma das pernas. Ele passa bem. Sobre a autoria e motivação do crime, nossa fonte nada soube informar. As fotos foram enviadas pelo primo da vítima.

Atualização - Nós não conseguimos contato com o Hospital Rio Doce, onde quem nos atendeu disse que a unidade não passa informações de pacientes. No SML (Serviço Médico Legal) não tem médico legista hoje (19). O delegado Tiago Cavalcante, da DHPP de Linhares, disse que não tem conhecimento da morte. Já o primo da vítima, voltou a afirmar que Magno está morto. "Estamos todos aqui desesperados querendo saber aonde vai ser o velório e o sepultamento. A notícia chegou até a gente aqui em casa, diretamente da namorada dele, que estava com ele no hospital", disse ele. O delegado, contudo, confirmou que o rapaz está vivo.

22 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias