Sábado, 17 de Abril de 2021
27 99808-4347
Polícia Pai desolado

Pai de Gabriel chora ao falar sobre filho morto pelo próprio irmão em Linhares

Marcos André, que confessou o crime, segundo o pai, foi preso no local de trabalho.

05/01/2021 16h40 Atualizada há 3 meses
Por: Redação
Pai de Gabriel chora ao falar sobre filho morto pelo próprio irmão em Linhares

Apenas 2 anos separam as idades dos dois irmãos: Um de 24 e outro de 26 anos, e a infância aperou os laços, mas o fim foi trágico, parecido com a história bíblica de Caim e Abel. Abalado, e ainda sem entender o que aconteceu, Marcos Antônio Lima, pai de Marcos Gabriel Braz Lima, o jovem de 24 anos; e Marcos André Braz Lima, o de 26, conversou com o Site Eu Vi em Linhares, e disse que “são muitas perguntas e poucas respostas” sobre o que pode ter acontecido na casa onde os dois irmãos moravam com a mãe, a professora Maria do Carmo Braz, a Nina.

Nina foi encontrada morta na manhã do dia 30 de dezembro, e durante a noite Marcos Gabriel havia desaparecido. O rapaz, o irmão mais velho e a mãe eram os únicos ocupantes da casa. Marcos Gabriel era recém-formado em Engenharia Florestal e estagiava em sistema Home office. Documentos, cartões de crédito, computadores, a mochila, as roupas. Tudo estava no devido lugar.

Continua depois da publicidade

Leia também - Aconteceu o pior: Gabriel é encontrado morto no Canavial da Lasa

Amigos divulgaram nas redes sociais que o jovem desapareceu e deduziram que o mesmo havia surtado ao constatar a morte da mãe, pois ambos eram muito apegados. O pai também acreditou na hipótese, e pediu ajuda à nossa Redação para ter notícias do filho mais novo.

Continua depois da publicidade

Enquanto isso, o rapaz já havia sido assassinado e o corpo já estava desovado no Canavial da Lasa. “Eu não sei o que pode ter motivado”, disse o pai dos rapazes. “Gabriel era extrovertido, fazia amizade com facilidade, era brincalhão. Já o André é mais fechado, de falar pouco, mas é muito carinhoso. Eu estou sem chão”, concluiu.

Marcos Antônio disse que o filho foi preso no local de trabalho, em Rio Quartel, interior do Município, e que depois levou a Polícia Civil ao local onde havia desovado o corpo, no Canavial da Lasa.

O que diz a Polícia Civil – O delegado Fabrício Lucindo Lima confirmou as palavras do pai da vítima, e disse que Marcos Gabriel foi morto a golpes de marreta, dentro de casa. Depois o irmão dele enrolou o corpo em um lençol, colocou no porta-malas de um Fiat Uno e levou para o local da desova. A arma do crime não foi encontrada.

Continua depois da publicidade

O irmão mais velho disse que ele e a vítima discutiram após a morte da mãe, e que isto teria sido a motivação do crime. O delegado não deixou claro que pedirá na justiça a exumação do corpo de Nina.

25 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias