Terça, 15 de Junho de 2021
27 99808-4347
Polícia Santa Cruz

Muitos tiros: Jovem é cercado na calçada e baleado na nuca no Jocafe 2

Muitas viaturas da PM, inclusive da FT, chamaram a atenção durante atendimento à ocorrência.

02/11/2020 15h11 Atualizada há 7 meses
Por: Redação
Muitos tiros: Jovem é cercado na calçada e baleado na nuca no Jocafe 2

A noite que antecedeu o feriado de finados (2) foi tensa no bairro Santa Cruz, sobretudo nas ruas dos residenciais Jocafes 1 e 2. Foi ouvido barulho de muitos tiros e um jovem de 29 anos foi baleado na cabeça.

Leu? Larápios arrombam, fazem limpa e ainda vandalizam bar no Aviso

Continua depois da publicidade

A Polícia Militar relata que recebeu denúncia anônima dando conta de que sete disparos de arma de fogo ocorreram em via pública, e que dois ocupantes de uma moto foram atingidos e se refugiado na vegetação, deixando o veículo caído na rua.

Guarnições da Força Tática foram também acionadas e populares informaram que os tiros foram disparados no Jocafe 2, e os envolvidos estavam no Pronto Socorro do Hospital Geral de Linhares (HGL).

Continua depois da publicidade

No hospital foi confirmado que um rapaz de 29 anos e um acompanhante, um jovem de 25, chegaram ao PS, e que o mais velho estava ferido na cabeça por disparo de arma de fogo. Contudo, plantonistas informaram que os dois já estavam no Hospital Rio Doce para procedimentos a fim de saber se o projetil havia transfixado o crânio.

No referido hospital, uma guarnição da PM conversou com a vítima e seu acompanhante e ambos negaram toda versão sobre estarem de moto e o abandono do veículo na rua. Ambos disseram que estavam saindo da casa do mais novo, para comprar cerveja, e foram cercados na calçada por quatro indivíduos armados.

Os jovens afirmaram desconhecer os indivíduos e que estes ordenaram para eles não correr, o que foi desobedecido. Foi aí que se deu o tiroteio, sendo que apenas o rapaz de 29 anos foi atingido por um único disparo na nuca.

Continua depois da publicidade

O projetil perfurou a caixa craniana e ficou alojado no lado esquerdo da mandíbula. Os dois rapazes afirmaram desconhecer a motivação de terem sido cercados e alvos dos disparos de arma de fogo. Foram checados os dados deles e não foi encontrado mandado de prisão em aberto em desfavor de nenhum dos dois.

11 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias