Quinta, 29 de Outubro de 2020
27 99808-4347
Polícia Mandados

Polícia Civil cerca residências e prende 3 indivíduos em Linhares

Uma das ações foi no Beco 2, bairro Araçá.

23/07/2020 09h09 Atualizada há 3 meses
Por: Redação
Polícia Civil cerca residências e prende 3 indivíduos em Linhares

Três indivíduos que estavam com mandado em aberto pela justiça foram presos nesta quarta-feira (22) por policiais civis de Linhares, Sooretama e Rio Bananal. A primeira equipe se dirigiu para o bairro Araçá, na região do Beco 02, e após cerco a uma residência prendeu  Ismael Carlos Pimenta Machado, de 32 anos.

Leu? Carro de Sargento da PM furtado em Linhares é recuperado 3 anos depois, em São Mateus

O delegado Fabrício Lucindo Lima explicou o motivo: “Estava com mandado de prisão em aberto, pela prática de crime de roubo, a casa foi cercada e o procurado não teve oportunidade de fugir”.

Simultaneamente  outra equipe se dirigiu ao interior do Município, na zona região de Rio Quartel, os policiais prenderam Marcelo Bernardo Santos, de 33 anos, e que estava  com mandado de prisão em aberto por condenação pela prática de crime de homicídio qualificado. “Ele não ofereceu resistência a ação dos Policiais”, disse o delegado.

E teve ação da PC também no bairro Interlagos, onde os policiais localizaram e prenderam Wallace Rejomar Moraes, de 46 anos. “Estava com mandado de prisão em aberto pela prática de crime de violência doméstica, descumprimento de medidas protetivas”, detalha o chefe da 16ª Regional.

De acordo com o delegado, os três investigados foram encaminhados para a Delegacia Regional de Linhares e logo depois, encaminhados ao Presídio local. A defesa dos três tem espaço aberto caso queira se manifestar: 27 99808-4347.

Atualizada às 10h16 – Uma pessoa que disse ser irmã de Wallace Rejomar Moraes, disse que ele não foi preso em casa e que se apresentou na delegacia e acrescentou que os fatos ocorridos não são como está descrito. Lembramos que toda e qualquer informação referente nos foi envidada pela chefia da Polícia Civil em Linhares.

Atualizada às 10h21 – A defesa de  Ismael Carlos Pimenta Machado também se manifestou e disse que “ele tinha este mandado, sim, e não era ciente, pois ocorreu uma audiência em 2006 e o mandato saiu em 2018 e ninguém sabia , e a polícia chegou procurando por ele na casa dele, e ele estava trabalhando e a mãe dele disse que ele estava trabalhando. Ai passou o local do trabalho dele e os policias se dirigiram até lá e o abordaram, ele foi sem entender o que estava acontecendo, já que na época da audiência ele foi liberado”.

7 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias