Quando a equipe é 10

Pacientes alcoolizados, vítimas de afogamento, e até gestante atendidos no Pontal

A equipe que atuou 24h na programação da virada é 10 na Unidade de Saúde do Pontal do Ipiranga.

02/01/2020 11h16
Por: Redação

Pessoas que se excederam no consumo de álcool e de repente caem; Ou aquelas que no meio da diversão sentem dores e necessitam de atendimento urgente, e ainda quem sofre pequenos acidentes ou escapam por muito pouco de morte por afogamento. Neste fim de semana prolongado por conta da programação de Réveillon, teve até paciente com suspeita de AVC (Acidente Vascular Cerebral), todos atendidos na Unidade de Saúde de Pontal do Ipiranga, litoral de Linhares.

O espaço foi transformado em uma espécie de mini hospital, para que somente casos extremos fossem encaminhados a um hospital, na sede do município, como aconteceu com uma jovem que deu à luz dentro de uma das ambulâncias disponíveis para a equipe (confira detalhes clicando aqui).

E assim, a equipe que atuou no balneário para garantir o melhor quando o assunto é a saúde dos que queriam se divertir, cumpre o dever e recebe Nota 10 na sala de emergência, nas ambulâncias, na recepção, na farmácia, ou nos atendimentos registrados fora do “mini hospital”. Foram cerca de 200 ocorrências somente durante o plantão 24 de réveillon no Pontal do Ipiranga.

Não conseguimos os nomes completos daqueles que, enquanto as pessoas se divertiam, trabalhavam para manter a saúde delas, mas, eis a equipe: Regiani Calefe (enfermeira), Tereza Vingle, Elidiana Souza, Flávia Scopel, Geomara (Técnicas de Enfermagem); Egiane (Recepção); Tatá (Apoio); ZeZão Jaci, Lenon, Daniel (Motoristas);  Daniel Ferreira e Bruna França (Médicos).

3comentários
500 caracteres restantes.
Seu nome
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
VEJA TAMBÉM