Nem chuva impediu

Jovem é assassinado a tiros no bairro Aviso. Moradores falam sobre como ele era

Crime aconteceu na noite de ontem (19).

20/11/2019 05h25Atualizado há 4 semanas
Por: Redação

(Tem atualização nos dois últimos parágrafos) A chuva não intimidou quem saiu de casa disposto a matar na noite de ontem (19). E desse modo, mais um homicídio entra para a lista das vítimas da lista negra em Linhares. O cenário foi o bairro Aviso, e quem morreu foi um jovem de prenome Maxuel, também conhecido pelo apelido de Suel ou "Di Menor". A autoria, até o momento, é desconhecida.

O crime aconteceu na localidade do bairro conhecida como Cavaco, e moradores informaram que a vítima era do bairro e deixa dois filhos pequenos. A outra informação é que o jovem contou com ajuda de um pescador com relação ao trabalho, mas que não teria se comportado adequadamente e depois ainda teria praticado furto em um comércio de quem teria lhe dado ajuda.

Outra informação é que os próprios familiares teriam sido vítimas dos atos ilícitos do rapaz, e que um deles até teria aumentado a altura do o muro de casa e colocado cerca elétrica para supostamente evitar que o rapaz entrasse e praticasse furto. Tudo será investigado pela polícia, e quem puder ajudar deve ligar para o 181 sem a necessidade de se identificar. Atualizações abaixo:

Atualização às 07h27 - A vítima foi identificada como Suel dos Santos Carapina, 22 anos, e o crime aconteceu na Avenida Guanabara. A ocorrência foi atendida por policiais a bordo da viatura 4035, e um parente da vítima disse que ambos estavam juntos quando um homem moreno, de estatura mediana, trajando calça jeans e camisa cinza se aproximou e perguntou à vítima onde encontraria um "óleo", nome dado à pedra de crack.

A vítima e o indivíduo deixaram o local e, na esquina da Avenida Guanabara com a Rua Rio Grande do norte, o indivíduo efetuou vários disparos de arma de fogo contra Suel. O autor do crime chegou ao local a pé, vindo do Cavaco. E após o crime correu sentido Centro de Linhares. O crime pode estar ligado à desavenças relativas ao tráfico de drogas.

9comentários
500 caracteres restantes.
Seu nome
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
VEJA TAMBÉM
Ele1 - Criar site de notícias