Crueldade extrema

Corpo com sinais de extrema crueldade é encontrado às margens de estrada na região de Urussuquara

Foi nessa quarta-feira (9).

09/10/2019 14h19Atualizado há 5 dias
Por: Redação
31.859

Policiais militares do 13º Batalhão, e a perícia técnica da Polícia Civil atenderam ocorrência que chamou a atenção na região de Urussuquara, São Mateus, localidade muito frequentada por moradores de Linhares. Foi no final da manhã desta quarta-feira (9), e uma testemunha disse que no local havia um corpo com arame em volta, e que a pessoa poderia ter sido queimada viva.

O ato de crueldade foi praticado às margens da estrada que liga Urussuquara a Guriri, um pouco antes de uma ponte. "Amarraram ele (a pessoa que pode ter sido torturada) com arame, as mãos e depois passaram pelo corpo. É muita crueldade", comentou o leitor.

Não havia documentos ou objetos que possam, a princípio, ajudar na identificação da vítima, e não há comprovação de que a pessoa tenha sido queimada viva. O corpo seria levado para o Serviço Médico Legal de Linhares.

Nós recebemos mais fotografias da cena, mas as imagens são muito fortes, e não podem ser divulgadas. Qualquer informação pode ser passada anonimamente para o 181.

4comentários
500 caracteres restantes.
Seu nome
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias