Confusão no Aviso

Polêmica: Ex-PM divulga vídeos sobre agressão, vereador diz que foi provocado, e divulga nota

Juliano César e Rogerinho se estranharam durante eleição do Conselho Tutelar de Linhares

06/10/2019 22h20Atualizado há 1 semana
Por: Redação
28.437

Após a polêmica durante a eleição do Conselho Tutelar de Linhares, envolvendo o vereador Odeir Rogério Bissoli, o Rogerinho do Gás, e o ex-policial militar, o professor Juliano César, a notícia repercutiu. O professor se manifestou através de vídeos, e Rogerinho divulgou uma nota em que, entre outras declarações, diz que é contra qualquer tipo de violência e garante que tal fato foi isolado, e lamenta o ocorrido (Abaixo tem a nota que ele enviou para a nossa Redação).

Ainda ensanguentado, Juliano, que estará ferido perto do olho esquerdo, gravou um vídeo em seu perfil na rede social, destacando que não havia sofrido uma queda, mas que foi agredido fisicamente pelo vereador. Nas imagens, Juliano César ainda mostra o colega de Rogerinho na Câmara, Carlos Almeida Filho, que muito calmo, deu a entender que não se envolveria na polêmica.

Depois, Juliano aparece em outro vídeo, desta vez no Serviço Médico Legal, onde informa que faria exames de corpo delito. Ele também foi visto dando entrevista a uma rede de televisão, tendo ao fundo uma viatura da Polícia Civil.

Rogerinho, por sua vez, se manifestou através de uma nota. Confira abaixo:
“O vereador Rogerinho do gás, vem por meio de nota oficial informar:  Ao se deslocar para a votação do Conselho Tutelar na escola Roberto Calmon, o vereador Rogerinho foi abordado por eleitores que estavam se sentindo incomodados com dizeres do senhor Juliano Cezar. Na tentativa de tentar conversar com o cidadão e amenizar a situação, o vereador e sua família também foram agredidos verbalmente por ele na presença de diversas pessoas. Juliano provocou Rogerinho com palavras desonrosas, momento em que impelido pelo domínio de emoção, revidou.

O vereador declara que é contra qualquer tipo de violência e garante que tal fato foi isolado, e lamenta o ocorrido.  Após tais fatos, nas redes sociais do senhor Juliano, o mesmo agride novamente o vereador e à Casa de Leis, bem como a família do vereador. É nítido que desde o princípio a intenção do senhor Juliano era provocar o vereador, com a finalidade de se auto promover politicamente.

Declaro ainda publicamente que mesmo tendo sido provocado por meio de agressões sinto-me arrependido pelo comportamento tomado em impulso.”

32comentários
500 caracteres restantes.
Seu nome
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias