Terça, 22 de Setembro de 2020
27 99808-4347
Polícia Banco do brasil linh

Urgente: Assalto no Banco do Brasil, em Linhares. BME é chamado

Assalto movimenta a madrugada às margens da BR-101, onde fica a agência.

01/07/2019 03h44
Por: Redação
Urgente: Assalto no Banco do Brasil, em Linhares. BME é chamado

Uma grande movimentação de viaturas das polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal, e carros da Eco 101, empresa que administra a rodovia BR-101, chamam a atenção na altura do bairro José Rodrigues Maciel, Linhares, onde fica uma agência do Banco do Brasil. A ocorrência começou por volta  da 1h dessa madrugada de segunda-feira (1º), e o motivo é um assalto na referida agência bancária.

A lateral da rodovia está com acesso vetado, com carros oficiais atravessados da pista, e as primeiras informações dão conta de que duas mulheres teriam sido abordadas, quando estavam em um carro de passeio, aguardando a ação dos meliantes.

Dentro da agência, teriam pelo menos quatro bandidos. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que foi acionada à 1h30, e que não há refém em poder dos marginais, mas que eles tiveram as ações referentes ao assalto neutralizadas, e negam-se em render-se.

O BME (Batalhão de Missões Especiais) - Antes postado como "BOPE" - foi chamado e estaria chegando a Linhares para invadir a agência.

É orientado aos curiosos a não se aproximarem do local.

Atualizada às 06h10 - A PRF acaba de informar que quando a agência foi invadida pelo BME (Batalhão de Missões Especiais), ficou constatado que não havia ninguém dentro dela. Também disse que a equipe ainda estava no local, e que a situação, se ainda não se normalizou, se normalizaria em instantes.

Comentários nas redes sociais também chamam a atenção

A notícia do Site Eu Vi em Linhares foi compartilhada, e em um grupo de WhastApp comentários também chamaram a atenção. Confira abaixo:
"A culpa disso e o próprio  governo. Já que não tem trabalhos  para todos  neste Brasil, as pessoas assaltam mesmo. porque cada dia que passa  está mais difícil de viver neste mundo onde  muitos têm dinheiro e outros não tem nem o que comer. É um injusto. Não sei aonde nós vamos parar. É violência, é assalto é tudo de ruim, mais as autoridades não fazem nada para mudar. Então, o jeito que as pessoas estão buscando é errado, mas eles não têm saída. Coloque  emprego pra todos  trabalharem para eles terem  a dignidade  de voltar, E isso é só o começo. Vai ficar mais difícil se os governos não tomarem providências neste Brasil. Que, vai sofrer as consequências somos nós brasileiros. É oque eu acho, que cabeça vazia é oficina do diabo. Se eles não têm uma ocupação, faz m. Porque hoje está difícil para muita gente dar uma segunda-feira e um chefe de família não tem um trabalho pra ficar o dia todo procurando um serviço e vê um não pela cara. Falo isso por experiência própria. À vezes me pergunto que mundo é esse que estamos vivendo, aonde tem muito que tem dois  empregos e outros  não tem nada. Isso é injusto, e esta é a minha opinião sobre o que está acontecendo com o nosso Brasil. Não que eu apoio os assaltos, é a realidade hoje. Ainda bem que não tem refém. Graças a Deus", disse uma mulher.

E logo vieram as reações de outros membros do grupo: "Quem quer trabalhar arruma emprego. Pergunta à estes marginais se querem trabalhar. Claro que não. Querem é ganhar dinheiro da maneira mais fácil", disse um membro.

"Falta de caráter agora é culpa do governo? Me poupe.", questiona outra mulher.

"Deveríamos parar de colocar a culpa nos outros e assumirmos que a maior parcela de culpa de tudo isso somos nós (sociedade).. Começando pela Educação do nossos filhos. Independente da situação trabalhista, existem várias formas de se ganhar dinheiro de forma honesta. Roubar não é a solução! Quando o governo toma providências, uma grande parte da população é contra, vai às ruas lutar contra. Será mesmo que a culpa e do governo?! Ter dois empregos não é injusto, injusto é você batalhar pelo seu e vim outro e tomar o que é seu por não ter capacidade de lutar da mesma forna que você. Devemos parar de justificar erros, e começar a lutar para evirar", comentou outro participante, e em seguida recebeu muitos comentários em forma de aplausos.

20 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias