Sábado, 05 de Dezembro de 2020
27 99808-4347
Polícia Dazin

Morte de Dazin: Delegado conclui inquérito e detalha resultado das investigações

Ele foi morto à luz do dia, e em pleno trabalho.

26/03/2019 20h02
Por: Redação
Morte de Dazin: Delegado conclui inquérito e detalha resultado das investigações

A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Linhares encerrou a investigação sobre o crime de homicídio que vitimou Dazio de Oliveira, o Dazin, que tinha 52 anos e foi morto a tiros, em 2017.

De acordo com o delegado André Costa, o jovem Wesley Lourenço Gomes, o Negueba, 21 anos, é o autor dos disparos que mataram Dazin. "No dia do crime, ele (Negueba) se dirigiu até o comércio da vítima, e portando uma arma de fogo, atirou e matou enquanto Dazio trabalhava", disse o delegado

Segundo o titular da DHPP de Linhares, a investigação concluiu que Dazin, após reagir a uma tentativa de assalto, matou o pai de Negueba, razão pela qual ,anos depois ele atacou o comerciante sem chance de defesa, causando-lhe a morte.

André Costa também informou que contra Wesley Loureço Gomes, que confessou o crime, havia mandado de prisão expedido pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Linhares. "Além disso, Wesley foi preso em flagrante por Porte Ilegal de Arma de Fogo", completou.

O crime

Dazim foi assassinado em 23 de dezembro de 2017, quando todos começavam a entrar no clima de festa de fim de ano. Era sábado, início da manhã, e o comerciante estava em sua padaria, na Rua Bahia, bairro Aviso. O atirador matou e fugiu de bicicleta.

O comerciante ainda foi socorrido e levado para o Hospital Geral de Linhares (HGL), onde morreu horas depois.

Negueba encontra a disposição da justiça, na Penitenciária Regional de Linhares (PRL).

8 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias