Domingo, 12 de Julho de 2020
27 99808-4347
Polícia Audio

BU: PM que se defendeu de assaltante havia sacado R$ 5 mil. Morto morava no bairro Interlagos

"Ele defendeu a vida", diz parte do áudio sobre policial que atirou em bandido.

19/11/2018 17h54
Por: Redação
BU: PM que se defendeu de assaltante havia sacado R$ 5 mil. Morto morava no bairro Interlagos

A morte de Deivid Ventura Viana, de 27 anos, baleado quando tentou assaltar um policial Militar na Avenida Vasco Fernandes Coutinho, no bairro Interlagos, repercute no estado.

O crime aconteceu na manhã desta segunda-feira (19), há poucos metros do Destacamento da Polícia Militar, e de uma agência bancária. O assaltante, segundo dados do Boletim Unificado, era natural de Vitória e morava na Rua Monteiro Lobato, no mesmo bairro onde morreu ao tentar assaltar o policial.

Continua depois da publicidade

Clique aqui e confira a primeira manchete e fotos do local do fato

De acordo com dados do Boletim Unificado 37812627, um Soldado disse aos colegas que atenderam a ocorrência, que havia acabado de sacar R$ 5 mil na agência bancária, e seguiu para seu carro, entrou  no veículo e quando o ligou foi surpreendido por um indivíduo batendo no vidro da janela com uma arma de fogo.

O indivíduo, segundo a vítima, apontava a arma em sua direção e forçou diversas vezes as maçanetas do veículo. O Soldado afirmou que não viu outra alternativa a não ser revidar e realizou quatro disparos de pistola.

Neste momento, conforme cita o BU, o assaltante correu com a arma em punho em direção a uma lanchonete e caiu no chão. O Corpo de Bombeiros foi chamado e constatou o óbito do indivíduo.

Continua depois da publicidade

Também no chão, segundo a PM, foi encontrada a arma de fogo tipo pistola. O indivíduo foi atingido por um disparo no dedo médio da mão direita, um no lado esquerdo do tórax, e dois na região do abdômen.

A perícia constatou que a arma usada na tentativa de assalto é uma pistola 380, com 12 munições intactas.

No carro do Soldado foram constatados os quatro disparos e encontradas as quatro capsulas que foram recolhidas para análise balística.

Monitoramento a usuários do banco

Continua depois da publicidade

O fato foi registrado, cita o BU, cerca de 50  metros distante do DPM, que estava em funcionamento. O  BU cita ainda que foi vista uma mulher juntamente com o indivíduo entrando e saindo da agência bancária.

Essa mulher estaria monitorando pessoas que movimentavam dinheiro nos caixas eletrônicos.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, esta mesma mulher se encontrava junto ao corpo caído. E antes de concluir o BU, o relatório diz que foi encontrado pelo Corpo de Bombeiros junto ao corpo do assaltante, uma chave de veículo que foi apreendida com os demais materiais citados acima.

40 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias