Sábado, 17 de Abril de 2021
27 99808-4347
Cultura Alvorada

Fotos da Alvorada: músicos emocionam moradores do Centro no aniversário de Linhares

Foi emocionante e certamente também entrou para a história do município

22/08/2015 07h17
Por: Redação
Fotos da Alvorada: músicos emocionam moradores do Centro no aniversário de Linhares

Dificilmente os moradores das ruas e avenidas do Centro de Linhares esquecerão o que viram e, principalmente, ouviram no final da madrugada e início da manhã deste sábado, 22 de agosto, dia no aniversário de Linhares.
Muitos se emocionaram e, sem saber ao certo como reagir, mal conseguiam acompanhar as músicas ao som de instrumentos impecavelmente manuseados por Guto Frigini, Neemias Felix, Zé Eupidio, Dalcenir Porto, Gibran, Marcos Pimentel, Adriano Resende, e cantadas por Dinorah Porto, Marina Mafra e muitos mais.
Eles saíram as 5 horas, da Praça 22 de Agosto e, por onde passaram, deixaram um pouco de emoção aos que abriram as janelas e ouviram “Carinhoso”, ou não resistiram e foram aos portões e admiraram a ação dos músicos. O grupo formado por quem quis de alguma maneira declarar o amor a Linhares, também cantou "Como é grande o meu amor por você" e a ação arrancou aplausos por onde a Alvorada Linhares passou. Moro aqui há muitos anos e nunca vi algo tão belo. Até me emocionei. Será que no ano que vem vão fazer de novo?", disse uma moradora da Rua Boa Vista, que ouviu a bela canção da janela da sala. "Eu também nunca tinha visto isso. Nem mesmo um namorado muito apaixonado faria algo igual ao que presenciei hoje em Linhares. Estão de parabéns. Posso dizer que Linhares fez aniversário e eu ganhei essa alvorada de presente", detalha outro morador da Rua Boa Vista.
Na volta do trajeto que começou na Rua da Conceição, os músicos incluíram a Rua Soeiro Banhos e, ao som de “Como é grande o meu amor por você”, arrancaram sorrisos e lágrimas de uma mulher que ficou na porta, e ali ouviu a canção.
Já na Rua Boa Vista, uma senhora que foi à garagem e ali permaneceu até que os integrantes pararam em frente a outra casa, dessas que ainda mantêm a origem em suas janelas estreitas e altas.
Depois eles subiram uma ladeira da Boa Vista sentido a Rua João Francisco Calmon, onde, no calçadão da Praça 22 de Agosto, a Alvorada Linhares acolheu pessoas que faziam caminhada ou corriam.
Após atravessarem a Praça passando em frente à SERLIHGES, a Seccional Regional de Linhares do Instituto Histórico e Geográfico do Espírito Santo, os músicos seguiram pela Rua Professor Jones e pararam em frente à residência de Dona Aurora Calmon, esposa de Humberto Calmon, um dos prefeitos que administraram Linhares.
O “alvo” seguinte e na mesma rua, foi a casa de Terezinha Durão Costa, que gritou “obrigada”, mesmo dentro de casa, em meio a emoção. Na calçada, um abraço emocionado em uma senhora que também é muito conhecida.
Logo em frente, moradores de um edifício foram até às janelas e varandas e, em seguida, os músicos levaram a Alvorada Linhares até a Avenida João Felipe Calmon e seguiram até os fundos do Banestes, onde funciona a Secretaria de Segurança do município. Ali foi mais um momento de emoção, com aplausos por parte dos servidores que estavam a postos. Moradores dos prédios também aplaudiram.
Por fim, às 7h35, os músicos fizeram uma oração, pedindo que Deus abençoe Linhares, agradeceram pelo momento e encerram a Alvorada. Abaixo, vídeo de um dos momentos da Alvorada Linhares 215 anos: (Com colaboração de Renata Delevedove).
Veja também - Músicos farão Alvorada Linhares na madrugada de sábado

Continua depois da publicidade
14 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias