Domingo, 28 de Novembro de 2021
27 99808-4347
Saúde Fundação Renova

Linhares na lista: Renova detalha capacitações aos profissionais de saúde do SUS

Eles serão treinados nas áreas de vigilância em saúde, atenção primária, atenção secundária e saúde mental.

26/07/2021 12h09 Atualizada há 4 meses
Por: Redação
Linhares na lista: Renova detalha capacitações aos profissionais de saúde do SUS

Profissionais de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS) em 39 municípios de Minas Gerais e do Espírito Santo impactados pelo rompimento da barragem de Fundão começaram a receber, em junho, capacitações remotas com temas voltados ao monitoramento da situação de saúde da população atingida.

Clique aqui e siga o Eu Vi em Linhares no Instagram

Continua depois da publicidade

Ao todo, até 1.760 profissionais poderão ser capacitados nas áreas de vigilância em saúde, atenção primária, atenção secundária e saúde mental para serem multiplicadores da aprendizagem em seus municípios de atuação. A capacitação visa ampliar o conhecimento técnico-científico dos profissionais e aprimorar os processos e fluxos de trabalho em situações de crise e emergência, para a organização e análise dos dados nos serviços de saúde.

A iniciativa é viabilizada por meio do acordo de cooperação técnica do Programa de Capacitação para os profissionais de saúde que atuam no SUS dos municípios considerados impactados no TTAC, firmado entre o Programa de Saúde da Fundação Renova e prefeituras, secretarias municipais de saúde e Superintendências Regionais de Saúde. Cada gestor municipal é responsável por selecionar os profissionais participantes, que devem estar cadastrados no Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (SCNES).

Continua depois da publicidade

“As capacitações irão potencializar e criar novas possibilidades e estratégias para as ações já desenvolvidas pelos profissionais de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS) nos municípios, contribuindo para melhorar o atendimento à população impactada”, diz Ronize Gomes do Nascimento, especialista do Programa de Saúde da Fundação Renova.

A execução das capacitações estava prevista para acontecer na modalidade presencial e por polo. Porém, devido à necessidade do isolamento social por conta da pandemia da Covid-19, houve a reestruturação para a modalidade de Educação a Distância (EAD), tendo como referência a divisão dos 39 municípios em quatro polos: Ponte Nova (MG), Ipatinga (MG), Governador Valadares (MG) e Colatina (ES).

Os municípios de cada polo são:

Continua depois da publicidade

Ponte Nova: Barra Longa, Rio Doce, Santa Cruz do Escalvado, Rio Casca, Sem Peixe, São Pedro dos Ferros, São José do Goiabal, São Domingos do Prata, Raul Soares.

Ipatinga: Dionísio, Córrego Novo, Marliéria, Pingo d' Água, Bom Jesus do Galho, Caratinga, Timóteo, Ipatinga, Iapu, Ipaba, Bugre, Santana do Paraíso, Belo Oriente, Naque, Periquito.

Continua depois da publicidade

Governador Valadares: Alpercata, Tumiritinga, Conselheiro Pena, Fernandes Tourinho, Galiléia, Governador Valadares, Resplendor, Itueta, Sobrália, Aimorés.

Colatina: Baixo Guandu, Colatina, Marilândia, Aracruz, Linhares.

O cronograma de realização dos temas das capacitações é definido com os gestores municipais e regionais de saúde, respeitando a organização dos serviços de saúde e, consequentemente, a participação efetiva dos profissionais. A previsão de duração do Programa de Capacitação é de até 24 meses.

As capacitações contemplarão os temas de:

1. Gestão da Informação em Saúde (englobando Gestão dos Sistemas de Informação);

2. Comunicação de Risco à Saúde;

3. Vigilância em Saúde (Vigilância Ambiental, Epidemiológica e Sanitária, englobando tópicos voltados a Bioestatística e Monitoramento da Qualidade da Água para o Consumo Humano);

4. Emergência em Desastres

5. Princípios e Conceitos de Avaliação de Risco à Saúde Humana (ARSH);

6. Princípios e Conceitos de Toxicologia de Metais;

7. Sinais e Sintomas Relacionados à Exposição de Metais;

8. Levantamento do Histórico Completo de Exposição;

9. Exames Físicos para Identificação de Sintomas Relacionados à Exposição

de Metais;

10. Direcionamento e Interpretação de Testes de Laboratório para Avaliação de Intoxicação por Metais;

11. Direcionamento de Diagnóstico e Acompanhamento de Intoxicação por Metais.

Sobre a Fundação Renova

A Fundação Renova é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, constituída com o exclusivo propósito de gerir e executar os programas e ações de reparação e compensação dos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão.

A Fundação foi instituída por meio de um Termo de Transação e de Ajustamento de Conduta (TTAC), assinado entre Samarco, suas acionistas Vale e BHP, os governos federal e dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo, além de uma série de autarquias, fundações e institutos (como Ibama, Instituto Chico Mendes, Agência Nacional de Águas, Instituto Estadual de Florestas, Funai, Secretarias de Meio Ambiente, dentre outros), em março de 2016. (Por Assessoria de imprensa - Fundação Renova).

1 comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias