Sábado, 24 de Julho de 2021
27 99808-4347
Polícia Preso!

Polícia cerca casa no Pó do Shell e prende Serginho. PC afirma que ele é autor da morte de Sapão

Teve drogas e outros materiais apreendidos, e PC afirma que investigado confessou o crime.

28/05/2021 14h35 Atualizada há 2 meses
Por: Redação
Polícia cerca casa no Pó do Shell e prende Serginho. PC afirma que ele é autor da morte de Sapão

A 15ª fase da Operação Sentinela chamou a atenção no Pó do Shell nesta sexta-feira (28), quando policiais militares da Força Tática, inclusive a Equipe K9 com o Cão Nill, cumpriram mandado judicial e prenderam Sérgio Antônio Vergolina Berzeski, o Serginho. Foi encontrada droga escondida até dentro de um sofá.

Notícia relacionada: “Sapão” é morto a tiros no Pó do Shell

Continua depois da publicidade

Assim que cercaram a casa chamaram pelo morador, os PMs foram atendidos pelo próprio investigado. A esposa e o filho do alvo do mandado, segundo relatório policial, estavam no imóvel no momento da ação.

Nas buscas no interior do imóvel foi encontrada em uma gaveta no armário da cozinha sacolinhas, pinos vazios normalmente usados para cocaína, lâmina de barbear, frascos que seriam usados para transporte de entorpecentes em maior quantidade; sendo encontrada ainda uma tesoura e ácido bórico, normalmente usado para enriquecimento de cocaína.

Continua depois da publicidade

E em cima do mesmo armário ainda foi encontrado um rádio comunicador. Já na varanda da casa, dentro de uma caixa de panos, foi encontrada uma sacola e nela havia uma pedra de crack grande e uma pequena. E cão Nill da equipe k9 da Força Tática, entrou em ação: Ele localizou dentro de um sofá no quintal da casa, duas sacolas, sendo uma contendo 12 pinos cheios de cocaína, e outra contendo 20 buchas de maconha. O celular de Sérgio também foi apreendido para ficar à disposição das investigações.

Na delegacia – E a Polícia Civil de Linhares através da DHPP, que investigou o homicídio que vitimou Carlos Durão Gomes Júnior, 27 anos, o Sapão, morto dias atrás no Pó do Shell, constatou que o autor do crime seria Serginho. Durante o interrogatório realizado na Delegacia de Linhares, segundo a PC ele acabou confessando o crime que vitimou Sapão.

Segundo a PC, Serginho disse que matou a vítima com sete disparos de revólver calibre 32. Segundo as investigações da Polícia Civil, o crime foi motivado por vingança relacionada ao tráfico de entorpecentes e a guerra de gangues da região. Após o interrogatório e a confissão, o jovem foi encaminhado para a Penitenciária Regional de Linhares, PRL.

Continua depois da publicidade

A defesa do investigado tem espaço aberto caso queira se manifestar: 27 99808-4347.

33 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias