Sábado, 18 de Setembro de 2021
27 99808-4347
Saúde Muito urgente

Covid-19 urgente: Médico faz alerta em vídeo: Não tem mais vaga de UTI no HGL

Ele cita dia, se identifica e deixa o recado. Veja o vídeo:

13/03/2021 16h35 Atualizada há 6 meses
Por: Redação
Covid-19 urgente: Médico faz alerta em vídeo: Não tem mais vaga de UTI no HGL

Após dar “boa tarde” e citar a data, 13 de março de 2021, e se identificar como Fernando Ache, explicando que é coordenador da UTI Covid 1 e 2 do HGL, o Hospital Geral de Linhares, o infectologista deixa um alarmante recado: Não tem mais vaga de UTI em Linhares.

O áudio do vídeo expõe o clima de calamidade que existe em Linhares quando o assunto é a pandemia do novo coronavirus, pois, enquanto os servidores dão o seu melhor para salvar vidas, quem deveria reconhecer lota bares, casas de shows, e outros estabelecimentos, causando aglomeração.

Continua depois da publicidade

O vídeo foi feito na tarde deste sábado (13), de dentro da Unidade, e o médico diz que quem precisar de vagas na UTI, vai ficar no Pronto Socorro, pois não tem vaga também no Hospital Rio Doce. Ele pede amor ao próximo, e esclarece que quem precisar de vaga terá que procurar outra cidade.

Tenha ou não dinheiro, seja quem for, terá que procurar UTI em outra cidade, isto, esclarece o médico, se encontrar. “Se quiser ficar brincando aí na rua, vai ficar desta forma”, diz ele no vídeo que já viralizou e que certamente chegará aos grandes telejornais. Nós entramos em contato com a Prefeitura, para termos uma resposta sobre quais providências serão tomadas mediante a situação. Voltaremos com a resposta assim que a pergunta for respondida. Confira abaixo o vídeo feito pelo médico:

Continua depois da publicidade

Atualizada às 17h14 - Assim que postamos a informação, chegaram diversas mensagens para a nossa redação, as quais não podemos citar as fontes, mas afirmaram que o médio foi visto chorando, e que antes isto jamais havia acontecido. “Até o isolamento está ocupado”, disse uma servidora. “Só vê rico em notinha de jornal fazendo encontros em bar lotado. Estamos cansados, todo mundo, e esse povo brincando com uma coisa séria dessa”, desabafa uma enfermeira. “Além de matar pai, mãe  e avós, essas pessoas matam a gente, pois também adoecemos, também sentimos na pele. Estamos cansados, estamos mentalmente cansados. A equipe se reveza, mas está difícil”, declarou uma enfermeira. Confira abaixo o que disse a Prefeitura de Linhares:

"A Secretaria de Saúde de Linhares informa que acompanha a situação em tempo real, referente à ocupação de leitos de UTI e Enfermaria Covid no Município e no Estado. O Município ratifica que o Hospital Geral de Linhares (HGL), junto à Unidade Sentinela, está preparado para receber os pacientes suspeitos e/ou confirmados com a Covid-19.

Continua depois da publicidade

Toda estrutura montada no início da pandemia está sendo mantida, com leitos de emergência na Unidade Sentinela e no Pronto Socorro, assim como nos leitos de internação de UTI e Enfermaria Covid.

Informa que, neste momento, os leitos de UTI contam com 80% de ocupação - isso significa que ao atingir essa conta, não recebe mais pacientes via Regulação de Vagas do Estado, pois é dado prioridade aos pacientes que chegam via Pronto Socorro, por meio da porta aberta (demanda espontânea), independente de qual Município seja o paciente.

Continua depois da publicidade

A pasta informa ainda que está, juntamente com o Governo do Estado, trabalhando para abertura de 12 novos leitos de UTI no HGL, passando dos atuais 20 para 32 leitos de UTI Covid.

Quanto à preocupação do profissional médico, as pessoas precisam entender que a pandemia da Covid não passou, que as aglomerações não podem acontecer, que os jovens e a população, como um todo, precisam ter consciência que os idosos que estão em casa estão sendo contaminados pelas pessoas que estão indo para as aglomerações.

Ressalta que é preciso, portanto, retornar com o isolamento social, manter as medidas de segurança, como o uso de máscaras e higienização das mãos".

40 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias