Sexta, 24 de Setembro de 2021
27 99808-4347
Polícia Na saidinha

Detento de 29 anos estupra e engravida menina de 12, com consentimento do pai da vítima

Investigação e elucidação foi da Polícia Civil de Linhares.

09/11/2020 12h08
Por: Redação
Detento de 29 anos estupra e engravida menina de 12, com consentimento do pai da vítima

Um caso, aliás, mais um caso de estupro de vulnerável revolta no Norte do Espírito Santo: Uma menina de 12 anos está grávida após ter sido estuprada por um homem de 29, com consentimento pai da vítima, um homem de 34 anos. As informações são da Polícia Civil da Linhares.

De acordo com o delegado Fabrício Lucindo Lima, chefe da 16ª Delegacia Regional de Linhares, foi “um brilhante trabalho investigativo” que resultou na elucidação do crime de estupro de vulnerável.

Continua depois da publicidade

Segundo o que foi revelado nas apurações, os dois homens têm passagens pela justiça, o autor do estupro por tráfico de entorpecente e homicídio, e o pai da menina por porte ilegal de arma de fogo, roubos e homicídios. “Ambos cumpriam pena na PRL (Penitenciária Regional de Linhares) e deixaram a prisão na saidinha do dia da independência e não voltaram mais”, contou o delegado.

O delegado disse que durante o tempo em que estiveram foragidos, o homem de 34 anos pediu para ver a filha e ficar um tempo com ela. “Durante o tempo em que a criança ficou com o pai, este a liberou para que seu colega de 29 anos, também foragido do sistema carcerário, tivesse relações sexuais com a menina”, contou o chefe da DRL.

Continua depois da publicidade

Quando a mãe recebeu a filha de volta, e após algumas semanas, notou um comportamento estranho da criança e procura saber o que havia ocorrido. Foi aí que a genitora tomou conhecimento do crime e procurou atendimento médico, descobrindo que a garota estava grávida em decorrência do estupro.

A mãe procurou o Conselho Tutelar e logo depois a delegacia de Linhares. “Os policiais identificaram os dois suspeitos, o pai que liberou a atividade sexual da filha  e o autor do crime, e passaram a realizar buscas para localiza-los e prende-los, já que estavam foragidos do sistema carcerário. Em um trabalho em conjunto com a Polícia Militar e Polícia Civil de Pinheiros, no dia 22 de outubro os dois foram recapturados juntos e conduzidos para o presídio de São Mateus”, relata Fabrício.

Interrogados sobre o  crime, o delegado disse que o homem de 29 confessou que realmente manteve relações sexuais com a filha de seu parceiro. Após o final das investigações o inquerido foi concluído e encaminhado à justiça, indiciando os dois homens pela prática de estupro de vulnerável e se forem condenados, o estuprador e o pai da criança poderão pegar uma pena de 08 a 15 anos de prisão.

Continua depois da publicidade
16 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias