Segunda, 30 de Novembro de 2020
27 99808-4347
Meio Ambiente Rio Pequeno

Rio Pequeno: Canal será fechado para manutenção na ensecadeira

Obras começam nesta quarta-feira (21).

20/10/2020 14h12
Por: Redação
Rio Pequeno: Canal será fechado para manutenção na ensecadeira

A Fundação Renova informa que dará início às obras de manutenção na ensecadeira instalada no rio Pequeno, em Linhares, a partir desta quarta-feira (21). As intervenções devem durar cerca de 16 dias.

Serão realizadas obras de recomposição da base da ensecadeira, construída na cota de 6 metros de altura, visando à preparação da estrutura para o período chuvoso e o aumento da passagem de água pelo local. 

O canal do rio Pequeno ficará fechado para a realização das intervenções necessárias e deverá ser totalmente reaberto em 6 de novembro. As atividades acontecem em acordo com a AECOM, que atua como perito judicial da 12ª Vara Federal de Belo Horizonte (MG).

Atualmente, o nível do rio Pequeno acima da ensecadeira de proteção, está em 6,46 metros. Já o nível do rio localizado abaixo da ensecadeira encontra-se em 4,92 metros. 

Medidas preventivas de saúde e segurança

A atividade obedecerá a medidas preventivas para garantir a segurança e a preservação da saúde e bem-estar de colaboradores e da sociedade, em meio à pandemia do coronavírus.

Ao todo, serão envolvidos 21 trabalhadores essenciais à execução das atividades. Com base nas orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS), não serão escalados os colaboradores pertencentes aos grupos de risco.

Serão adotadas ações como fácil acesso a álcool gel e a pontos de higienização com sabão, uso obrigatório de máscaras, óculos protetores e distância mínima de 1,5 metro entre os trabalhadores, refeições servidas em marmitex, com talheres descartáveis, e ocupação reduzida nos transportes dos trabalhadores, a fim de garantir mais espaço entre os passageiros. 

Sobre a ensecadeira

A ensecadeira é uma estrutura provisória construída para impedir o contato das águas do rio Doce com a lagoa Juparanã. Em caso de aumento do nível do rio, a ensecadeira poderá ser alteada (elevada). A estrutura foi construída, na cota de 6 metros de altura, em cumprimento à decisão judicial proferida pela 12ª Vara Federal de Belo Horizonte (MG).

A Fundação Renova segue com os trabalhos de monitoramento dos níveis de água do rio Doce.

Mais informações sobre a reparação executada até aqui podem ser acessadas em: https://www.fundacaorenova.org/cincoanos/

Sobre a Fundação Renova

A Fundação Renova é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, constituída com o exclusivo propósito de gerir e executar os programas e ações de reparação e compensação dos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão.

A Fundação foi instituída por meio de um Termo de Transação e de Ajustamento de Conduta (TTAC), assinado entre Samarco, suas acionistas Vale e BHP, os governos federal e dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo, além de uma série de autarquias, fundações e institutos (como Ibama, Instituto Chico Mendes, Agência Nacional de Águas, Instituto Estadual de Florestas, Funai, Secretarias de Meio Ambiente, dentre outros), em março de 2016.

2 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias