Domingo, 19 de Setembro de 2021
27 99808-4347
Saúde Emocionante

Covid-19: HGL promove videochamadas para aproximar pacientes e familiares

Visitas virtuais emocionam quem participa perto do paciente.

16/07/2020 19h09 Atualizada há 1 ano
Por: Redação
Covid-19: HGL promove videochamadas para aproximar pacientes e familiares

Durante a pandemia de coronavírus, o Hospital Geral de Linhares (HGL) implementou  diversas medidas de prevenção à Covid-19. Uma delas foi a restrição de visitas à unidade hospitalar. Com o objetivo de proporcionar um atendimento humanizado e diminuir a angústia do afastamento, as equipes de saúde recorreram à tecnologia para aproximar pacientes e familiares, possibilitando a realização de videochamadas.

A diretora do Hospital Geral de Linhares, Maria Bernadeth Braz, explica que este recurso – voluntário e realizado pelos profissionais de saúde da unidade hospitalar -, é voltado para pacientes internados nas enfermarias da ala Covid-19.

Continua depois da publicidade

“O contexto de isolamento e a excepcionalidade do período exigiu uma intervenção objetiva e humanizada para atender os anseios dos pacientes e seus familiares. Nós buscamos minimizar esse distanciamento através dos atos voluntários de nossos profissionais por meio das videochamadas, para mostrar que o paciente não está sozinho, desamparado. Dessa forma, a família também se tranquiliza”, explica.

As videochamadas têm sido uma alternativa para aliviar a saudade. Internada há mais de 30 dias na unidade para se recuperar da Covid-19, a aposentada Dejanira Viguini Suave, 63 anos, é de Santo Hilário, se emocionou quando viu o filho, o advogado Marcelo Suave, na tela do telefone. Dona Dejanira precisou ficar intubada e se recupera da doença.

Continua depois da publicidade

Marcelo, por sua vez, vai até ao HGL todos os dias para saber notícias da mãe. Bastante emocionado, ele agradece o empenho dos profissionais médicos que estão na linha de frente no combate ao coronavírus e o carinho e a humanidade com que todos tratam os pacientes que estão internados no hospital.

“Mãe, nós estamos esperando a senhora aqui em casa, logo a senhora estará aqui com a gente. Já preparamos o seu quarto. Eu te amo, mãe”, disse Marcelo durante o vídeo exibido para a mãe. “Nós só podemos agradecer o carinho e a forma humana com que todos os profissionais tratam o paciente. Que Deus os proteja”, disse.

As visitas virtuais ocorrem em dias alternados para cada paciente. Além de esclarecer dúvidas da família sobre o estado de saúde, o serviço traz conforto em dias difíceis e tem como premissa a empatia. 

Continua depois da publicidade

“Através da videochamada, conseguimos olhar no olho do familiar que está distante daquele ente querido e com as mais diversas dúvidas. Por mais deliciado que seja ver o paciente na UTI, essa proximidade online nos ajuda a esclarecer dúvidas quanto a evolução do paciente, mas também serve como um bálsamo eficiente para acalmar aquele coração aflito”, destacou a médica do HGL, Maria Vitória Valadares Mota.

Assistentes sociais, médicos, técnicos de enfermagem e enfermeiros dividem-se para acompanhar as enfermarias e fazer a avaliação e o preparo prévios dos pacientes antes das visitas virtuais. 

Continua depois da publicidade

O trabalho inclui o levantamento dos contatos dos pacientes que estão orientados e em condições de interagir, além do agendamento com os parentes. As famílias também são diariamente contatadas por um médico, sempre às 17 horas, que passa todas as informações e evoluções clínicas dos pacientes. Fonte e foto: PML.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias