Atacada

Mulher vive momentos de terror nas mãos de tarado em Rio Bananal

Marginal estava armado com faca, e ataque aconteceu na casa da filha da vítima.

Eu Vi em Rio Bananal

Eu Vi em Rio BananalBlog Eu Vi em Rio Bananal

12/01/2020 07h43
Por: Redação

Um Boletim Unificado gerado nas últimas horas por policiais militares do 12º Batalhão, atuantes no município de Rio Bananal, traz relatório que revolta e enoja. 

Uma mulher foi obrigada a fazer tudo que um estuprador ordenou ao ser surpreendida enquanto limpava a casa da filha, naquele município. A filha é vizinha dela.

De acordo com o Boletim Unificado, a vítima foi atacada por um indivíduo alto, moreno e com o rosto encoberto por uma camisa. O bandido invadiu o imóvel com uma faca em mãos, e começou a aterrorizar a vítima.

A mulher relatou para a Polícia Militar que o estuprador afirmou que o filho dela já estava amarrado dentro da outra casa, e o mataria mediante a qualquer resistência. Em seguida, com a arma em mãos, o marginal mandou a vítima a seguir com ele  até ao meio do mato próximo a casa.

A mulher foi obrigada a se despir, e a todo o momento o estuprador a ameaçava de morte. A vítima foi obrigada a fazer sexo oral com o indivíduo, enquanto ele acariciava suas partes íntimas. A mulher explicou que não houve conjunção carnal, e que após o fato o suspeito deixou o local tomando destino ignorado, não levando nenhum objeto de valor ou dinheiro.

4comentários
500 caracteres restantes.
Seu nome
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
VEJA TAMBÉM