Prejuízo

Comerciante de Rio Quartel fica no prejuízo ao receber nota falsa R$ 100

Quase que bandido faz mais vítimas na mesma noite.

26/10/2019 17h27Atualizado há 4 semanas
Por: Redação
5.896

O movimento estava a todo vapor em uma lanchonete em Rio Quartel, interior de Linhares, na noite desta sexta-feira (25), e entre os consumidores estava um indivíduo com intensões criminosas. Ele acabou deixando prejuízo no estabelecimento, ao pedir uma latinha de refrigerante e pagar com uma nota falsa de R$ 100,00. O produto custou R$ 3,50.

Um morador procurou o Site Eu Vi em Linhares e detalhou como aconteceu o golpe. Ele contou que trata-se de um indivíduo jovem, estatura mediana, moreno claro e magro, que estava em um Celta branco. "Quando o golpe foi descoberto, ainda tentaram ir atrás, mas ele já estava longe", comentou.

Ainda de acordo com o morador, o bandido tentou adotar o mesmo procedimento em um bar da comunidade, mas como no momento não havia troco para os R$ 100,00 se comprasse pouca coisa, acabou desistindo. "Aqui todos se conhecem, e esse sujeito nunca foi visto por essas bandas", disse a nossa fonte.

Mulher não acreditou ao cair no golpe

Há cerca de três meses uma senhora que mora em Rio Quartel e mantém um pequeno espaço em casa, também foi vítima de um criminoso. Ela recebeu uma nota falsa de R$ 100,00 e não acreditou quando alertaram sobre a ilegitimidade do dinheiro. "Foi muito doloroso e revoltante, pois ela é humilde e por não acreditar acabou indo ao Centro de Linhares para, na sua inocência e simplicidade, fazer uma compra e se certificar de que a nota era mesmo falsa", contou o leitor.

O internauta explicou que a mulher não queria dar golpe, mas sim saber se era mesmo nota falsa, ouvir isso de alguém em uma loja, para descartar a cédula e pagar com dinheiro legítimo. "Quase acabou presa, coitada. Mas, graças a Deus o mal entendido foi desfeito. O triste é que ela precisa muito de vender as coisinhas dela e, nesse caso, acabou no prejuízo e ainda quase foi presa por conta de um marginal", disse o leitor que mora na comunidade.

Não foi informado se o fato da noite de ontem (25) foi registrado na delegacia, procedimento que deixa o setor competente em alerta para criar uma investigação. 

1comentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
VEJA TAMBÉM
Ele1 - Criar site de notícias