Segunda, 12 de Abril de 2021
27 99808-4347
Geral Mmm

Mais de 200 empregos diretos: "Venda" de vaga na fila do Sine custa até R$ 320

Os anúncios de venda de vagas na fila do Sine movimentam classificados virtuais.

06/09/2018 13h12
Por: Redação
Mais de 200 empregos diretos:

O anúncio da geração  de mais de 200 empregos diretos através da filial de uma rede supermercadista em Linhares está movimento "negócios" voltados para "compras" de vagas na fila da Agência do Sine, no Centro de Linhares. Tudo é feito através da internet, mais precisamente em grupos de classificados, seguido de diálogos por mensagens ou telefone.

As mais de 200 pessoas a serem contratadas irão trabalhar no bairro Três Barras, e a Prefeitura informa que "Há vagas para todos os níveis de escolaridade, e para alguns cargos não será necessário experiência. A prioridade na seleção é de candidatos que não estejam atuando no mercado de trabalho".

Continua depois da publicidade

De acordo com as informações, contidas no site da Prefeitura, a inauguração do empreendimento está prevista para o mês de outubro e serão criados 225 postos de trabalhos diretos, além dos indiretos.

E a informação de que todas as oportunidades serão preenchidas via cadastro no Sine local, e que o processo de seleção terá início a partir da próxima segunda-feira (10), acabou mostrando o que seria uma oportunidade para quem quer ganhar dinheiro "guardando" a vez na fila para quem quer trabalhar de carteira assinada.

Continua depois da publicidade

As figuras que ilustram a intenção de quem quer "trabalhar" dentro do "esquema" de guardar vagas na fila, foram enviadas por uma leitora que ficou indignada com o que viu. "Eu acho verdadeiro absurdo", resumiu.

E nós apuramos e encontramos outros anúncios de pessoas se oferecendo para ficar na fila, por valores entre R$ 190,00 e R$ 320,00. Em duas publicações existem respostas de interessados, alguns avisam que vão chamar "in box", enquanto outros pedem telefone para contato e alguns expõem o próprio número de telefone.

Continua depois da publicidade
14 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias