A sua beleza

Cabelos oleosos: dicas importantes para tê-los sempre lindos

Postada em: 1999

Olá pessoal espero que estas dicas acrescentem na sua beleza e saúde. Hoje quero falar de cabelos oleosos, e, lembrando da dica da semana passada, que foi sobre a babosa, ela também é ótima para cabelos oleosos e finos.
Dicas para Cabelos Oleosos
Existem dois tipos de cabelos oleosos: 1. Com oleosidade completa das raízes para as extremidades do cabelo; e 2. Com oleosidade apenas nas raízes do couro cabeludo, e o restante do cabelo seco (cabelo misto).
Os cabelos oleosos normalmente são gordurosos, pesados, finos e sem volume. Chegam ao final do dia grudados na cabeça e com aspecto sujo. O primeiro passo importante é a limpeza. Ela deve ser feita diariamente e com muito critério para não comprometer ainda mais a função equilibrante das glândulas.
O excesso de oleosidade ocorre quando as glândulas sebáceas produzem uma quantidade de oleosidade maior do que a necessária. Este problema pode ainda ser piorado devido a alterações hormonais ou estresse.
A excessiva oleosidade capilar tem sido apontada com frequência como um importante causador de queda de cabelos. A limpeza adequada e a correta estimulação do metabolismo capilar são aliados fortes no combate à queda.
Cuidados com Cabelos Oleosos
Existem alguns cuidados que ajudam a controlar a oleosidade do cabelo. Com algumas poucas mudanças de hábitos, você já poderá notar melhoras.
.Procure manter os cabelos sempre soltos, evitando o uso de boinas, lenços, toucas ou chapéus que possam impedir a ventilação do couro cabeludo.
.Não passe as mãos ou escove muito os cabelos. Evite também massagens no couro cabeludo. Esses são hábitos que estimulam a produção de óleo.
.Lave os cabelos diariamente: limpeza é fundamental.
Use xampus adstringentes, com pH neutro ou os específicos para cabelos oleosos. O ideal é alternar.
.Use xampu anti-resíduo ou esfoliante capilar uma vez por semana.
.Ao passar máscaras hidratantes, condicionadores e leave-in, passe sempre da metade da raiz até as pontas: jamais passe no couro cabeludo.
.Evite água quente, pois a alta temperatura resseca os cabelos e, por isso, estimula a produção de mais oleosidade.
.O ideal é usar um produto que cuide da raiz ao fio de cabelo contribuindo na desobstrução de pequenas partículas de gordura acumuladas no folículo piloso, e que nutra adequadamente o bulbo capilar. A formulação dos xampus deve proporcionar limpeza sem agressão à estrutura dos fios dos cabelos oleosos.
Causas da Oleosidade
A causa desse problema é de ordem genética, mas alterações hormonais e estresse podem agravar o problema. A oleosidade se dá pela produção de glândulas sebáceas que normalmente entram em hiperatividade por alguma disfunção endócrina ou até mesmo por um processo de atividade exacerbada por fatores genéticos.
Tratamento
Para se livrar desse incômodo constante e diário, o recomendado é procurar uma clínica especializada em tratamento capilar para que o terapeuta possa analisar o couro cabeludo. A oleosidade excessiva, quando genética, não tem cura: por isso é recomendado um tratamento para controlá-la.
No mundo da cosmética já existem xampus e loções indicados especificamente para esse tipo de cabelo. Eles removem os resíduos sem ressecar tanto os fios. Xampus anti-caspa também ajudam e, se o caso for grave, o dermatologista pode indicar também medicamentos via oral.
Fonte:belezaesaude
Para saber mais sobre nosso trabalho e obter mais dicas e informações assista-nos através do site www.redealternativa.tv.br ou através do whatsapp 027 98112-1594.
Por Luciana Carvalho