Quarta, 12 de Maio de 2021
27 99808-4347
Polícia Procura-se

Gangue do jacaré: PC divulga nomes, apelidos, fotos e pede ajuda encontrar suspeitos de Sooretama

Delegado detalha tudo o que eles aprontaram.

09/04/2021 16h39
Por: Redação
Gangue do jacaré: PC divulga nomes, apelidos, fotos e pede ajuda encontrar suspeitos de Sooretama

A Polícia Civil de Sooretama e Linhares realiza buscas para localizar indivíduos que, de acordo com o delegado Fabrício Lucindo Lima, fugiram de Sooretama, ao descobrirem a existência de mandados de prisão em desfavor deles.

Estes indivíduos, ainda de acordo com o delegado, faziam parte de uma gangue no município de Sooretama, e todos seriam envolvidos com tráfico de entorpecentes, homicídios e porte ilegal de arma de fogo no Município. “Trata-se de um grupo conhecido como "gangue do jacaré" ou "jacarezinho". São eles: Bruno Câmara Chaves,  24 anos, o Bruno Cabecinha;  Jardel da Cruz, 22  anos, vulgo Scooby; e Wendel Almeida dos Reis, 21 anos”, divulga o delegado.

Continua depois da publicidade

O chefe da 16ª Delegacia Regional de Linhares (DRL) disse que a turma da Gangue do Jacaré agia na região de Sooretama, traficando drogas, ostentando armas em redes sociais e aterrorizando a comunidade, e que dois deles têm passagens por homicídio. “Outro que fazia parte da gangue, o Wilgner da Cruz, vulgo Bigode, 20 anos de idade, já está preso pela prática de crime de tráfico de entorpecentes desde o dia 24 de janeiro de 2021”, contou o delegado.

Doutro Fabrício acrescentou que após um grande empenho dos Policiais Civis de Sooretama e Linhares, as equipes conseguiram juntar provas contra o grupo. “Solicitamos mandados de prisão judicial contra todos. Ao tomarem conhecimento da expedição dos mandados judiciais, fugiram da região de Sooretama”, explicou. E pediu: “Quem tiver quaisquer informações sobre o paradeiro desses indivíduos, ligar para o 181, o sigilo é totalmente garantido e você estará ajudando a Polícia Civil a localizar e prender criminosos”, concluiu o delegado.

Continua depois da publicidade

A defesa dos citados tem espaço aberto caso queira se manifestar: 27 99808-4347. Fotos: Polícia Civil.

20 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias