Quinta, 26 de Novembro de 2020
27 99808-4347
Polícia Em Sooretama

Morte de Eduardo: Familiar só não morreu por ter se escondido debaixo da cama

O 181 é o passo essencial para a comunidade ajudar na elucidação do crime, que aconteceu em Sooretama.

09/09/2020 08h55
Por: Redação
Morte de Eduardo: Familiar só não morreu por ter se escondido debaixo da cama

A rua se chama “Cantinho do Céu”, mas o ocorrido pode ser considerado como algo que destoa do nome da via: A morte de Eduardo Durão dos Santos, que tinha 17 anos e foi o assassinato dentro de casa, em Sooretama. Um parente dele só não morreu porque se escondeu debaixo da cama.

O crime entra para a lista dos que precisam da ajuda de populares para ser elucidado e os autores presos. É que a chamada lei do silêncio imperou quando a Polícia Militar atendeu a ocorrência.

Os assassinos, dois indivíduos armados, não foram vistos pelo parente da vítima que correu para se esconder debaixo da cama. Ele apenas disse que tomou a atitude assim que a casa, no Alegre, foi invadida pouco antes das 3h da madrugada desta terça-feira (8).

O adolescente estava dormindo e morreu sem tempo de pelo menos tentar fugir. O parente da vítima disse que, além de não ter visto sequer a estatura dos assassinos, desconhece a motivação da violência ao extremo.

O relatório policial cita que várias pessoas compareceram ao local, mas todos afirmaram que não viram nada que possa ajudar a elucidar o homicídio. Os policiais apreenderam no local 10 munições intactas 380, duas do mesmo calibre, porém, deflagradas; Além de dois cartuchos aparentemente de munição calibre 38, e o celular que seria do adolescente assassinado.

Ele foi atingido por três disparos de arma de fogo, sendo um no lado esquerdo do tórax, um no lado esquerdo do abdômen, e outro do bíceps esquerdo. Denúncias podem ser feitas no 181. As que chegam à nossa Redação são encaminhadas ao setor competente.

4 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias