Polícia

Detalhes da morte de Renan: Escada com sangue mostra que vítima tentou fugir dos assassinos

Postada em: 48579

A escada suja com muito sangue mostra que Renan dos Santos Rufino, que segundo a Polícia Militar tinha "aproximadamente 32 anos", tentou escapar dos atirados. Em vão: Ele foi a segunda vítima de homicídio desta quinta-feira (9) em Linhares.

Clique aqui, veja fotos e confira a primeira manchete sobre o crime, que em poucas horas havia sido lida por mais de 40 mil internautas

No Boletim Unificado 39352654, gerado às 22h23, consta que o crime aconteceu às 20h59, e que quem matou a vítima chegou a pé, e fugiu em um veículo VW Golf, de cor preta, conforme informamos na primeira manchete.

Renan, segundo informações da Polícia Militar contidas no BU, estava sentado com outras pessoas, entre elas um familiar que o socorreu, tomando cerveja em frente a uma residência na Rua João Gama, bairro Interlagos, quando dois indivíduos armados apareceram de surpresa e efetuaram os disparos contra a vítima.

Os assassinos entraram no Golf e fugiram. A vítima foi levada para o Hospital Rio Doce em um carro particular, mas o médico disse que o homem já chegou morto.

Ainda segundo o BU, policiais militares recolheram diversas capsulas e projeteis no local do crime, citado no BU como uma açaiteria, onde foi encontrado o sangue na escada. Foram encontradas 12 perfurações no corpo de Renan, que foi levado ao Serviço Médico Legal (SML) a fim de ser reconhecido e liberado nesta sexta-feira (10).

Quem puder ajudar com denúncias para elucidação do crime, deve ligar para o 181.