Polícia

Saidinha do Dia dos Pais: Mais de 200 presos deixam a PRL

Postada em: 6071

Até a manhã desta quarta-feira (8) 193 presos foram liberados da Penitenciária para a saidinha do Dia dos Pais. Todos têm que voltar no dia 15, próxima quarta-feira, até às 17h00. Para ter direito ao benefício, o detento precisa estar dentro dos quesitos exigidos pela justiça, e um deles é ter bom comportamento na prisão.

Como a "saidinha" aconteceria até o fim do dia, e pelo menos outros 10 internos faltavam deixar a referida unidade prisional, o total de beneficiados com a saidinha ultrapassa 200 presos.

Além do bom comportamento, para ter acesso ao benefício, de acordo com a Lei de Execução Penal, o preso em regime semiaberto precisa ter cumprido um sexto da pena no caso de réu primário, e um quarto se for reincidente.

Quem reside na cidade e cumpre o regime trabalhando durante o dia nas empresas locais com responsabilidade de recolhimento na cela à noite, foi liberado para dormir em casa, mas terá que trabalhar normalmente. Já os que trabalham na cidade, dormem da cadeia e não são presos locais, terão uma espécie de "feriadão" de sete dias.

O preso que não voltar até o horário e dia determinados pela justiça, será considerado evadido.

No Regime Semiaberto, o preso ainda tem direito de trabalhar fora, em empresas cadastradas pelo sistema, e retornar para dormir na cela. Parte do salário vai para a família e parte fica depositada para quando o detento sair da prisão. E para cada três dias trabalhado, um faz parte da remissão, diminuindo, assim, o tempo da pena que ele deve cumprir na penitenciária.