Colunistas

Carro de boi: A vida teria graça sem história?

Postada em: 3762

Ah, as férias. De repente, o delegado Fabrício Lucindo Lima, sempre presente no Site Eu Vi em Linhares, lembra de mostrar aos leitores o que viu em Conceição do Mato Dentro, Minas Gerais. Melhor você conferir abaixo, e depois ver as fotos:

Estrada Real, um caminho, uma trilha criada pelo governo Português, em terras brasileiras, quando ainda éramos uma colônia portuguesa, lá pelo início do século XVIII.

Estrada que tinha como objetivo quase que único, extrair e transportar para os portos de Parati e Rio de Janeiro, as riquezas de ouro, diamantes e Pedras preciosas para a metrópole, Lisboa. Algumas das cidades que foram criadas no entorno da estrada real, são verdadeiras preciosidades que parecem ter parado no tempo, muitas tombadas pelo patrimônio histórico. São mais de mil quilômetros de estrada onde se respira histórias e curiosidades, onde podemos conviver com a modernidade e o passado, em plena harmonia.

Foi assim que encontramos essa preciosidade, o meio de transporte da época da colônia, um carro de boi ao vivo e a cores, com três potentes juntas, arrastando uma tora de eucalipto e sendo conduzida por um fotogênico candeeiro.

A vida sem história não tem muita  graça... Ao avistar a cena, já me veio a memória meu próprio passado e lembrar do passado é uma emoção só, meu avô era um tropeiro dos melhores... minha cidade Natal é conhecida como a cidade dos tropeiros.

Meu pai sempre foi apaixonado por tropas de mulas e carros de boi, e lembro bem... Quando ele ouvia o canto do carro de boi, por alguns segundos eu podia ver seus olhos encharcados de lágrimas... Mas isso é só mais uma história...