Polícia

Agressão: Mulher é encontrada mancando e chorando no Centro de Linhares

Postada em: 16499

Policiais Militares a bordo da viatura 4031 faziam preventivo na Avenida Samuel Batista Cruz e quando passavam na esquina com a Rua Capitão José Maria, no Centro de Linhares, foram acionados por populares que pediram ajuda em prol de uma mulher vítima de violência na passarela de travessia na rodovia BR-101. Foi pouco antes das 18h00 desta segunda-feira (9).

Leia também - Mulher é encontrada sangrando após agressão no BNH

Testemunhas relataram que um homem estava agredindo uma mulher e a ameaçando com um objeto. No local a PM encontrou a vítima, de 38 anos, chorando e mancando, e esta contou que o seu marido, de nome Urbano, de 33 anos, havia acabado de agredi-la e que também a ameaçou de morte com uma faca e uma tesoura.

Segundo o BU, os militares atravessaram as pistas da rodovia e encontraram o autor do delito escondido atrás de uma das pilastras da passarela. Quando os militares se aproximaram, cita o BU, Urbano demostrou estado agressivo, mas acabou abordado. Na revista pessoal foi encontrado dentro da bolsa que estava com o homem uma faca de cozinha e uma tesoura.

A vítima relatou que constantemente é agredida pelo companheiro e que ele já disse várias vezes que vai mata-la. A vítima também afirmou que o companheiro chega constantemente em casa sob o efeito de drogas e álcool e a agride, e que no último final de semana ele a agrediu várias vezes.

No primeiro dia útil da semana as agressões foram a base de socos na cabeça e chutes quando a vitima estava atravessando a passarela. A mulher declarou que teme pela sua vida, pois o autor já foi preso várias vezes por agredir a vítima, e também já ficou preso na penitenciaria de Linhares por tentativa de homicídio.

A mulher, segundo o BU, reclama de dor na cabeça e no joelho direito. As partes foram levadas para a delegacia para a sequência dos fatos.